Olá! Seja bem-vindo(a) ao blog INSANOS CAMINHOS. Aqui tu vais poder ler e conhecer os textos, poesias e versos livres que escrevo de 1998 até os dias de hoje. Desde já agradeço a tua visita e fiques a vontade, pois estes versos fazem parte de minha literatura, com isso não pertencem a mim e sim aos leitores. Grato!! Fábio Zündler.

Conjugar


Como disse Caetano: 
"Azul que é pura memória de algum lugar".

Prefiro olhos de mel,
mesmo que,
ora fortes como fel,
ora suaves como um vel.

Como digo sem engano:
Castanho é o verbo que tento conjugar.

Ao conjugar encontro meu lugar
envolto nos teus braços. 
Braços que me acalmam, 
que me acalmam, 
acalmam.



Nenhum comentário: